Dicas para organizar a marmita

Cresceu muito o número de pessoas que utilizam a marmita diariamente, seja para o almoço, como para  levarem um lanchinho da tarde, além da economia, ajuda a manter uma alimentação saudável e a nossa dieta de cada dia.

Levar a marmitinha, ajuda a a fugir das tentações de massas e frituras dos restaurantes por kilo e comprar aquele famoso “chocolatinho”  para comer a tarde!

A coisa esta tão séria, que além dos acessórios, existem empresas especializadas em marmitas congeladas, e tem pra todos os gostos e paladares, tem marmita fit sem glúten, sopas, vegana, dukan…

Se a grana esta curta, o jeito é você mesmo preparar, no começo dá um pouquinho de trabalho, mas pegando o jeito, fica tudo mais fácil.

Dicas para preparar sua marmita:

  • Planejamento, geralmente as pessoas já programam o que vão levar no fim de semana.
  • O que você quer comer? não dá para comer a mesma coisa todo dia no almoço não é?  Assim faça pequenas porções de alimentos diferentes ou varie no jeito de preparar os alimentos. Exemplo: um dia o frango vai como filé, no dia seguinte desfiado com algum legume, outro dia com algum molhinho como iogurte tipo strogonoff, etc ah também não vale escolher alimentos que você não curte, pois senão a hora da marmita vira uma tortura.
  • Como vai fazer? Tem que pensar também como vai levar, armazenar e esquentar… Hoje tem muiiiitos acessórios, bolsas térmicas, potes de salada já com o dispenser do molho, marmita elétrica. Preste atenção dos alimentos que precisam da refrigeração adequada, e para os dias em que será possível achar um lugar para esquentar,  pode rolar um wrap, sanduíche natural, saladinha de macarrão integral.
  • O freezer pode ser um grande aliado,  pela correria, as vezes não dá tempo de ir no mercado ou cozinhar todos os dias, assim é importante congelar algumas refeições. Mas não é simplesmente  colocar tudo em um pote e colocar para gelar, existem técnicas de congelamento sabia? Cada alimento tem um “tempo” que precisa ser cozido antes de congelar e quanto tempo pode ficar congelado. Existem técnicas para quando descongelar não ficar murcho ou com aquele gosto de comida congelada.
  • Convide um amigo para entrar nessa onde com você, além de dividir despesas e trabalho, aumenta também a variedade de refeição e o tempo em que precisará cozinhar novamente.

Algumas dicas preciosas de congelamento

https://ivi.es/wp-content/uploads/2016/12/01-congelar-ovulo-BLOG.png
  • Cozinhe os alimentos por menos tempo do que o que esta costumado a fazer,  depois de cozinhar, mergulhe a panela sem tampa em água com gelo para interromper o cozimento, isso ajuda a conservar os alimentos, mantendo a maciez.
  • Sempre etiquete os potinhos com  a data de preparação e de validade, sendo média de até 5 dias quando armazenado na geladeira (temperatura inferior a 5ºC) e um mês no freezer (não acima de -18ºC).
  • Alguns alimentos não devem ser congelados, pois suas propriedades são alteradas ou perdem a consistência,  como por exemplo folhas verdes, creme de leite, maioneses, clara em neve, pudim, banana, melancia, tomate e pepino.
  • O feijão pode ser congelado, até por um ano, sem perder seu valor nutritivo, o que vale para lentilha, arroz e outros grãos.
  • Depois de descongelados, não recongele nenhum tipo de alimento
  • As Carnes e alimentos prontos devem ser consumidos dentro de, no máximo, 48 horas após o descongelamento. Quando são  peixes e frutos do mar, o consumo deve ser imediato.
https://www.altoastral.com.br/wp-content/uploads/2016/10/tabela_alimentos.jpg

 

 

lancheiras: https://www.anjodealgodao.com.br/categorias/acessorios/lancheiras-grandes

Be Sociable, Share!